PSDB sinaliza deixar base do Governo

10/07/2017

O PSDB realizará hoje, (10), no Palácio dos Bandeirantes, residência oficial do Governador de São Paulo, uma reunião para saber se o partido segue ou não apoiando o Presidente da República, Michel Temer (PMDB), que foi denunciado pelo crime de corrupção passiva pelo PGR, Rodrigo Janot.

Na reunião, prevista para noite desta segunda, estarão presentes deputados e senadores do partido, como também, outras lideranças do PSDB, sendo eles: Fernando Henrique (FHC), João Dória, Geraldo Alckmin entre outros.

Recentemente, parlamentares e outros partidários, como o Governador de São Paulo, deram declarações da insustentabilidade do partido continuar no governo após a votação das reformas em curso no pais.