Com base em pesquisa feita pelo Jornal Folha de São Paulo veja como possivelmente votarão os deputados piauienses na denúncia de Temer

10/07/2017

Foto: Jornal o Globo
Foto: Jornal o Globo

O Presidente da República, Michel Temer (PMDB), está prestes de ter a denúncia feita pelo o PGR, Rodrigo Janot, contra sua pessoa, pelo crime de corrupção passiva, votada na câmara de deputados.

A denúncia precisa, em seu juízo de admissibilidade votado na câmara legislativa, de 342 votos dos 513 possíveis para prosseguir em direção ao STF, onde lá será julgado pelos ministros da Corte Suprema brasileira. Se isso acontecer, Temer será afastado por 180 dias, conforme determina a Constituição Federal, durante o prosseguimento do julgamento.

A Folha de São Paulo ouviu os 513 deputados federais no qual fez um balanço dos votos que serão proferidos no Congresso. Em análise aos parlamentares piauienses, por enquanto, somente o Deputado Federal Assis Carvalho (PT) manifestou voto a favor da denúncia.

Os deputados Heráclito Fortes (PSB), Mainha (PP) e Iracema Portella (PP) se manifestaram pela não aceitação da denúncia do presidente.

Paes Landim (PTB), Rodrigo Martins (PSB) e Júlio César (PSD) responderam ao jornal que não sabem ainda. Os deputados Marcelo Castro (PMDB), Átila Lira (PSB) e Silas Freire (Podemos) não responderam.