Benefícios para os piauienses - Programa de expansão de internet banda larga para todos no Piauí foi lançado

12/01/2018

Foi lançado ontem, quinta-feira (11), na sede da Associação Piauiense dos Municípios (APPM), o programa de expansão de internet banda larga para Todos, uma ação que visa levar conectividade aos equipamentos públicos dos municípios, além de apoiar a implementação da Política de Inovação Educação Conectada, que inicialmente beneficiará 128 municípios piauienses, se estendendo a todos os 224 municípios até julho de 2018.

O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, apresentou o projeto no evento, que contou com a presença de diversas autoridades estaduais, entre eles o Governador do Estado do Piauí, Wellington Dias e o Prefeito de São João do Piauí e Presidente da APPM, Gil Carlos.

O ministro explicou que o programa Internet Para Todos é uma ação voltada para beneficiar 40 mil unidades públicas (municipais, estaduais e federais) que não contam com acesso à internet banda larga. "Temos agora o primeiro satélite brasileiro, e em breve ele vai disponibilizar banda larga para qualquer município. Vamos ver as prioridades de cada lugar e aplicá-las tanto na área da educação, levando internet para todas as escolas, quanto em relação à conectividade dos equipamentos públicos, além disso Ministério da Defesa vai ter a possibilidade de melhorar 100% da monitoria do País, ajudando até mesmo no combate ao tráfico de drogas", disse.

O presidente da APPM, Gil Carlos, destacou a importância do programa para as gestões municipais. "Este é um passo importante para nossos municípios. Com o Programa Internet para Todos, associado aos outros programas da área já existentes, vamos melhorar ainda mais as gestões públicas municipais. Tanto no que diz respeito ao aperfeiçoamento das ações executadas nos municípios, quanto na área da educação, podendo ampliar também os cursos de graduação à distância nas cidades piauienses", afirma o presidente. 

Para Wellington Dias, o acesso à banda larga de alta qualidade aos municípios piauiense é uma revolução e ferramenta essencial para o desenvolvimento econômico e social do Piauí. "A implantação desse projeto é de suma importância para o desenvolvimento econômico e social no estado, porque vai possibilitar o desenvolvimento de ferramentas de telemedicina, com processos cirúrgicos podendo ser realizados à distância; telesegurança e teleducação, possibilitando ainda mais o desenvolvimento educacional da rede pública no Piauí", comemora o governador. 

Essa é uma iniciativa do Governo Federal criado por meio do decreto 7.175/ 2010, que tem como principal objetivo expandir e massificar o acesso à internet banda larga no Brasil, especialmente em regiões mais carentes em infraestrutura e tecnologia e conta com a parceria do Governo do Estado.

A distribuição da internet será realizada por meio do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC), que está em órbita terrestre desde maio do ano passado. O Satélite recebeu investimentos de R$ 2,7 bilhões e é uma parceria entre o MCTIC e o Ministério da Defesa.